Base de e-mail marketing antiga: o que fazer com ela?

email-s

Alerta: você pode salvar uma base de e-mail marketing antiga! Confira dicas para fazer isto da maneira certa.

Sim! Existe a possibilidade de reaproveitar aquela base de e-mail marketing antiga que você deixou esquecida no banco de dados da sua empresa!

Às vezes, aquela base de e-mails que você acha que já não serve para nada pode ter grande potencial se trabalhada com cuidado e exclusividade.

A cautela é necessária pois você estará fazendo uma abordagem depois de um longo período de tempo e, muitas vezes, pode surpreender os contatos. Positiva ou negativamente.

E é claro que você quer causar a melhor impressão possível e reaproximar-se dos seus leads, com sucesso não é mesmo?

Tendo isso em vista, nós separamos alguns passos que você poderá seguir para verificar se realmente vale a pena reativar a base de e-mail marketing e como fazer isso de forma efetiva.

Cole aqui e não perca nada! ;)

Como reativar uma base antiga de e-mail marketing?

#1 Qualidade da base

Antes de qualquer coisa, você precisa verificar se faz sentido utilizar essa base de e-mail marketing.

Existem três perguntas chave que serão fator determinante:

Essa base é sua? Ela conhece a sua empresa? Os contatos vieram por livre e espontânea vontade?

Se a resposta for não para alguma delas, talvez não seja ideal reativar a base.

É muito importante que você avalie bem a qualidade e a relação que você tem com esses contatos para que sua campanha não seja suspensa. Por isso, não utilize qualquer base!

#2 Faça uma boa limpeza

Se você constatou que é válido usar a base, seguimos então para o próximo passo: a limpeza. No caso de bases antigas e bases cadastradas manualmente, podem surgir e-mails digitados incorretamente e também alguns que já não existem mais e que precisam ser removidos.

Para isso, você poderá utilizar algum verificador de e-mails como o Safety Mails, Expert Validator ou Checador.

#3 Volte a conversar com estes contatos

Depois de limpar a base de e-mail marketing, chegou a hora de retomar contato!

A melhor forma de você fazer isso é enviando um e-mail marketing diretamente para elas. Mas como fazer isso sem que o contato soe estranho?

  • Capriche no assunto: é preciso pensar em um assunto que incentive sua base a abrir o e-mail marketing. Precisa ser direto e chamativo. Algo como: “Fulano, já garantiu o seu presente?”
  • Utilize um remetente: usar alguém com nome e sobrenome, e não apenas o nome da empresa, fará com que o contato se torne mais próximo. A relação se torna pessoal e isso é de grande valor para as pessoas.
  • Arrase no conteúdo: neste momento, você estará retomando o contato com aquelas pessoas, então o ideal seria descobrir em que momento elas estão e qual a relação delas com a sua empresa.

Para isso você pode enviar uma pesquisa de satisfação, uma pesquisa de conteúdos, uma atualização cadastral ou o que mais sua imaginação mandar. Mas lembre-se: tente não ser agressivo!

#4 Monitore o sucesso da ação

Monitorar os resultados será determinante para saber se os seus disparos para essa base de e-mail marketing surtiram efeito positivo.

Por isso, atente-se às métricas: entrega, abertura, cliques, conversão, descadastro e spam.

Estas são as principais e mostrarão tudo o que você precisa sobre a ação. :)

E aí? Curtiu? Se você gostou, aproveite e dê uma passadinha no nosso blog para conferir mais materiais como este!

Até mais!

Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *