Como entregar conteúdo relevante através do E-mail Marketing

photo-1542744094-24638eff58bb

O e-mail marketing é um dos principais canais de comunicação das empresas. É um meio cada vez mais responsivo e personalizável para entregar conteúdo e ofertas aos leads e clientes, além de ser um ótimo meio de estabelecer contato.

Isso tudo não é mais segredo. As empresas sabem do potencial do e-mail marketing.

No entanto, o problema é: como tornar-se relevante neste canal?

Com o crescimento do Inbound Marketing e demais estratégias de conteúdo, cada vez mais os negócios se voltam à criação e envio de e-mails. Assim, a competitividade neste meio é cada vez maior — e os vencedores são justamente aqueles que conseguem entregar um conteúdo de qualidade.

Mas como alcançar esse nível de qualidade e tornar seu conteúdo imperdível para sua base de contatos, conquistando cada vez a confiança dos leads e convertendo números maiores de clientes?

É para responder essa dúvida que escrevemos este artigo. Confira!

5 dicas para transformar o conteúdo do seu e-mail marketing no mais relevante!

Seu e-mail marketing não está trazendo os resultados previstos — e você vê potencial de melhora? Ótimo! Seguindo algumas dicas e realizando os testes necessários, com certeza você vai revolucionar seu e-mail marketing e se tornar referência!

1# Tudo começa na segmentação

A segmentação é uma das coisas que faz o investimento em e-mail marketing valer a pena, sabia?

A possibilidade de agrupar contatos conforme uma série de preferências: quais gatilhos acionar (ou não), quais páginas acessaram, quais produtos compraram ou deixaram em seus carrinhos…

São tantas as possibilidades que poderíamos ficar horas descrevendo. Mas o que faremos é aconselhar que você, ou sua equipe, aproveitem ao máximo sua ferramenta de gestão de marketing e experimentem várias possibilidades de segmentação.

Procure mesclar critérios, como “Já gastou R$ 500 + Não compra há 3 meses”, “Abandonou carrinho + Abriu o último e-mail”, “Clicou em link X da Newsletter + Está no meio do funil”, “Baixou E-book Y + Baixou Infográfico Z”

O intuito é encontrar e explorar segmentações com alto potencial de conversão, dessa forma sua equipe conseguirá entender melhor qual conteúdo e oferta mais interessa àquelas pessoas.

2# Seja atrativo, original e, principalmente, procure resolver as dores da sua persona

Parece óbvio, mas o que queremos dizer aqui é:

Muitas vezes, o conteúdo de um e-mail segue um padrão estabelecido. Se você quer resultados melhores, é necessário olhar com outros olhos para o conteúdo produzido e encontrar pontos de melhoria.

Seus títulos são atrativos? O que funciona para sua persona: aspectos técnicos ou uma linguagem mais branda, de repente até com emojis?

O seu conteúdo é uma reciclagem de outros incontáveis que são facilmente encontrados pela internet? Você escreve sobre os temas de forma original, com a identidade da sua empresa?

E principalmente: seus conteúdos possuem o intuito de resolver dores? Claro, muitas vezes esse não é o objetivo em um possível topo de funil, mas o mindset geral deve ser esse.

Só assim o lead vai enxergar valor no que você produz e vai começar a considerar sua empresa como especialista no assunto, para então fechar negócio!

3# O que as métricas dizem sobre seus e-mails (e como essa leitura pode melhorá-los)?

As ferramentas disponíveis trazem uma quantidade enorme de métricas sobre cada e-mail: taxa de abertura, cliques, tempo de leitura, mapa de calor do mouse e vários outros.

Cada um deles deve ser considerado nas análises de resultado, e seus números levados em conta na otimização dos e-mails.

Por exemplo, muitas vezes um baixo número de aberturas significa que seus títulos não estão atraindo as pessoas e se perdem na caixa de entrada.

Baixo número de cliques em um botão? Talvez você devesse refazer o layout do e-mail, suavizando o conteúdo e deixando o link mais exposto.

4# Faça experimentos e saia do óbvio

Experimentos são o que movem qualquer estratégia de marketing para frente. Com seu e-mail marketing não seria diferente.

Portanto, realize teste com seu conteúdo: varie nos formatos e linguagem, explore ou reduza os hyperlinks, use GIFs, incorpore vídeos ou mesmo entregue um e-mail simples, sem tantos detalhes e que vá direto ao ponto.

O objetivo é encontrar a forma que mais se encaixa na sua estratégia e, continuamente, procurar pontos de melhoria.

5# Tem dificuldade? Uma parceria pode ser a melhor saída

Os desafios estão impedindo que você e sua equipe foquem no e-mail marketing?

É normal, já que o dia a dia é repleto de tarefas estratégicas que podem ocupar toda carga horária. É por isso que uma parceria com uma agência especializada em criar e-mail marketing pode ser a melhor saída.

Dessa forma, em conjunto, vocês conseguirão criar uma estratégia afiada e inovadora, que torne o conteúdos dos e-mails relevantes e que sempre traga os melhores resultados.

Considerando tomar esse passo? Então venha e converse com nosso atendimento para entendermos como entregar a melhor estratégia de e-mail marketing para seu negócio!

2 ComentáriosDeixe seu comentário

Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *