Como identificar o aluno ideal com Marketing Digital

aluno

O marketing digital é uma importante ferramenta para as mais diferentes organizações encontradas no mercado. Escolas e instituições de ensino estão entre as organizações a se beneficiarem de suas estratégias para a captação e retenção de clientes. Um dos pontos básicos e essenciais do marketing digital, e que deve anteceder as ações no ambiente online, é a criação da buyer persona. Com ela, você identifica o aluno ideal e pode dirigir a ele um conteúdo personalizado, aumentando as chances de que ele se interesse pelo seu serviço.

O que é a buyer persona?

A buyer persona, ou apenas persona, é o aluno ideal: aquele que está perfeitamente alinhado com as propostas e ideias do curso e que é o potencial cliente do seu negócio. É para este perfil de aluno ideal que todas as ações de marketing digital da sua instituição devem estar voltadas.

Para a construção dessa pessoa fictícia, mas espelho da realidade, entram diversas características fundamentais para que você possa compreendê-la, desde idade, profissão e interesses até suas expectativas e anseios na vida. Entender quem é o seu cliente é fundamental para que você possa captar alunos para sua escola.

A importância da buyer persona

A definição precisa e certeira da buyer persona é fundamental para o marketing digital. Isto porque, diferente de outras formas de marketing (como mídia impressa, rádio e televisão), o marketing digital permite a você segmentar o seu público e direcionar diferentes mensagens a diferentes pessoas. Mas para direcionar a mensagem certa ao público certo… você deve saber quem é esse público – e a buyer persona está aí para representá-lo.

Portanto, ao invés de direcionar sua campanha a um grande número de pessoas, entre as quais estão àquelas que não têm interesse na sua instituição, o marketing digital foca-se nas pessoas que possam de fato se tornar clientes do seu negócio.

Esta definição também ajuda você a definir o tipo de ação a ser feita, quais canais serão utilizados (e quais ficarão de lado), o tom de voz do conteúdo a ser divulgado, que tipo de ação promocional pode ser feita, como captar a atenção desta pessoa e, principalmente, o que não pode ser feito de forma nenhuma para desagradar esta buyer persona, afastando-a do negócio com uma imagem negativa.

Assim, uma persona que não seja bem delimitada ou que não esteja de acordo com o público-alvo da sua instituição pode fazer com que a mensagem não chegue a quem de fato deveria, e todo seu esforço terá sido em vão.

Identificando o aluno ideal

Para você saber quem é o aluno ideal, o primeiro passo é observar quem já foi captado, ou seja, quem são seus atuais alunos. Defina parâmetros de proximidade, perfis que aparecem com maior frequência. Vale até mesmo fazer pesquisas para saber quais são seus principais desejos, anseios, sonhos, medos e frustrações. As respostas o ajudarão a construir a persona e consequentemente atender as necessidades dos alunos futuros – e também dos atuais. Mas atenção: não perca tempo com personas negativas – concentre-se nos alunos modelo.

Se você está começando a instituição de ensino agora, observe os padrões seguidos pelos seus concorrentes ou então especule o tipo de pessoa que você deseja atingir. Defina:

  • faixa etária, tipo de profissão, cidade e região onde mora;
  • perfil financeiro;
  • objetivo principal no momento;
  • dificuldades para atingir este objetivo;
  • principais medos ao encarar este objetivo;
  • frustrações pelas quais ela já passou tentando alcançar seu objetivo;
  • o que ela espera de um local que oferece a chance de atingir este objetivo;
  • pontos fortes e fracos desta pessoa;
  • o que a levaria a desistir do seu objetivo;
  • o que a motiva a querer aprender;
  • redes sociais em que está presente;
  • frequência com que utiliza a internet, dispositivos que utiliza, etc.

A partir disto, você pode saber o que irá oferecer, como oferecer, o que não poderá fazer, qual o tom utilizar, entre outras questões. Para dar um rosto à persona, defina o gênero, a idade e dê um nome a ela; encare como se fosse uma pessoa real e pense como você faria para convencê-la a ir até você por meio do marketing digital. Assim, você saberá que tipo de conteúdo oferecer e como conversar com ela.

Agora, mãos à obra! Hora de traçar a persona e captar alunos para a sua escola.

Ficou alguma dúvida? Deixe sua pergunta nos comentários e responderemos a você.

Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *